Taylor Swift lançou seu quarto álbum “Red” em outubro de 2012. Desde que saíram as primeiras imagens do encarte, eu fiquei bastante interessado por elas. A locação, as cores predominantes, toda a estética do ensaio era muito parecida com o que eu consumia na época, em termos de fotografia.

Pouco se fala sobre a autoria da arte envolvida em lançamentos musicais ou cinematográficos. Lembro de ter pesquisado incessantemente por quem havia fotografado Taylor, mas só depois de muito stalk é que eu encontrei o nome Sarah Barlow.

Taylor Swift na água no photoshoot de Red

Sarah Barlow é uma fotógrafa americana residente em Nashville; ela fotografa desde os 13 anos, quando ganhou sua primeira câmera. Seu objetivo na profissão não era apenas capturar belas imagens, mas criar uma experiência e contar histórias usando suas lentes e imaginação.

É engraçado, porque com Taylor nada é por acaso. Narrativa é uma especialidade, Nashville é o nome de uma de suas músicas, e, como se não bastasse, 13 é seu número da sorte. Coincidência?

Taylor Swift com violão no photoshoot de Red
Taylor Swift com violão no photoshoot de Red

Sarah trabalha hoje em projetos colaborativos com o diretor de arte Stephen Schofield. Esse detalhe específico me inspira bastante: ultimamente, venho pensando bastante nos meus sonhos e prioridades na vida. Sinto que meu destino é ter um espaço só meu, talvez um estúdio interdisciplinar, onde eu consiga explorar fotografia e design. E só consigo imaginar isso acontecendo partindo do ponto onde eu me junto a alguém que tenha sonhos semelhantes aos meus e unimos essas forças num projeto em comum.

Red é um dos meus álbuns favoritos de Taylor e o encarte continua sendo uma inspiração, mesmo depois de todos esses anos. Ouça: All Too Well, Begin Again, I Knew You Were Trouble.

Taylor Swift correndo no photoshoot de Red

Sarah Barlow · Instagram
Taylor Swift · Instagram · Tumblr · YouTube · Twitter

Comentários

Lindíssimas as fotos! Me identifiquei muito com o trabalho da Sarah Barlow!

Aliás, design divino do Melhor Angulo viu? Foi uma grande surpresa acessa-lo agora e ver tanta boniteza junta! Parabéns!

Beijos!

O MELHOR ÂNGULO ESTÁ DE VOLTA!! UHUUL U.U Tá muito bonito esse site, Zé se superando : ) Excelente post, um dos melhores encartes que eu já vi. As fotos são perfeitas, sem mais,

Simplesmente ela tem um dom de sair delicada em todas as suas fotos e nos seus videoclipes.
Um bom exemplo é o “Back to December”, um clipe que tem uma excelente fotografia por trás =D

Primeiramente quero dizer que fico feliz que você tenha voltado com o “melhor ângulo”, eu adoro seu blog, até uma vez mandei uma mensagem lá no face procê.. é.., provavelmente cê não vai lembrar de mim kkkk. Agora falando sobre o post, você acertou em cheio, AMO a Taylor, acho ela linda e talentosa *-* Eu li tudo aê, e queria ver mais post assim Zézé. rsrs. Queria te pedir que visitasse meu blog, ficaria contente em saber que você deu uma “bizoiada” lá. hsuhasuhausha. É isso, não suma mais viu moço. rum. s2′

Amei o post. O album Red, desde o lançamento, me encanta pelo estilo das fotos, e já vi que vou me encantar pela fotógrafa também. Acho que seria interessante explorar o mundo dos fotógrafos de banda/músicos.

Coleciono CDs, principalmente por conta dos encartes, então foi uma surpresa quando abri o Red e vi as fotos. Além de serem lindas, traduzem perfeitamente o conceito do álbum e das músicas. A Taylor (e sua equipe) tem um cuidado magnífico em todos os aspectos da identidade visual dela, acho isso muito importante para um artista: além de fazer bem aos ouvidos, agrada aos olhos!
O ensaio ainda é um dos meus favoritos em relação aos feitos especialmente para álbuns, empata apenas com o do My December, da Kelly Clarkson. Já o encarte, perdeu o posto recentemente quando eu comprei o Breakthrough, da Colbie Caillat.

Deixe uma resposta