Navegando pelo Flickr em busca de novos fotógrafos — hábito que sempre me gerou prazer —, o trabalho do italiano Clemente De Muro me chamou a atenção. Isso porque vi algo diferente nas fotos, elas me lembraram os registros que acontecem durante a gravação de um filme ou clipe musical. Fotografia cinematográfica.

Chicago, por Clemente De Muro
Chicago, em uma foto que parece ter vindo de algumas décadas no passado.

Os enquadramentos contribuíram, mas acho que a iluminação foi o que mais me remeteu ao cinema. As fotos são um pouco mais escuras do que estamos acostumados, e as fontes de luz são mais indiretas, criando um ambiente dramático e até mesmo solitário. As cores são bem realistas, um pouco retrô por causa do uso de fotografia analógica. Como resultado, a impressão final é de que as fotos na verdade são frames de um filme que ainda não passou pelo colorista ou pela edição. Puras e simples.

Minha surpresa foi descobrir que Clemente também é de fato um diretor, e trabalha em dupla com o colega Davide Mardegan na produtora CRIC. Juntos, eles já criaram vídeos bem bacanas como esses:

Veja mais algumas fotos:

Dois homens em preto e branco, por Clemente De Muro

Clemente De Muro · Instagram · Flickr · Site

Comentários

O problema é que o Yahoo! demora muito pra acompanhar o Flickr em relação a outros sites, sabe? Perderam muito tempo e agora o Instagram tá tomando conta, o que não deveria acontecer, já que o Flickr tem a estrutura certa para fotógrafos, o Instagram não… Que bom que deu um pulo lá de novo! ;)

Amei a indicação!
O que mais me chamou atenção no trabalho dele é que mostra o cotidiano (adoro!) e também a iluminação, realmente parece filme.
Simples, mas impecável!
Beijos

Gentem, adorei o trabalho desse ser! D:

Realmente, dá aquela cara de que ele fotografa o cotidiano, como observador, como se fosse um filme. Tudo isso junto, não sei explicar!

Até separei algumas dessas fotinhos pra ilustrar minhas crônicas, são maravilhosas! *-*

http://alemdomeumundo.com/

Olá Zé, tudo bom?
Você realmente despertou a preguiça de mexer no Flickr que existia em mim hahah
As fotos, além de serem extremamente naturais, me deram uma sensação de estarem inacabadas. Como se tivesse pausado um filme e ainda tivesse uma conclusão de todos os olhares, ou mesmo a falta deles, e todas as ações que a foto me passou.
Na 7ª foto, apesar de saber que provavelmente ela só estava posando para a foto, me deu uma curiosidade tão grande de saber o que se estava passando pela cabeça dela para conseguir passar uma expressão que me fizesse quase criar várias teorias do que poderia acontecer caso fosse um filme.
Em relação ao vídeo ele conseguiu mostrar todos os sentimentos que nós mesmos sentimos quando acontece conosco. Um vídeo simples, porém brilhantemente elaborado.
Muito, muito, muito obrigada e parabéns pelo seu trabalho!

Fico feliz de ter te ajudado a voltar a ter interesse pelo Flickr, hahaha. Gostei muito de como você falou das fotos, deu um ponto de vista que eu não tinha enxergado. Apareça mais vezes por aqui! :)

Deixe uma resposta